Make your own free website on Tripod.com

Identificando as seitas heréticas
 


Há muitas religiões não-cristãs e seitas no Brasil: Mormonismo, Testemunhas de Jeová, Ciência Cristã, Espiritismo, Maçonaria, Santo Daime, Islamismo, Hinduísmo,Congregação Cristã no Brasil, Igreja de Cristo Internacional, Satanismo, etc. O dicionário define "seita" como "doutrina que se afasta da opinião geral", "conjunto de indivíduos que a seguem", "comunidade fechada de cunho radical", "facção, partido". Esta é uma definição secular típica. Ao analisarmos cada seita podemos observar "frutos" similares em suas mensagens e atitudes, características que as distinguem das igrejas genuinamente cristãs, ainda que grande parte delas afirmem serem cristãs. Em livrarias evangélicas, há quase sempre "seções de estudos sobre seitas" que incluem os mórmons, testemunhas de Jeová, espíritas, etc. Com a proximidade da vinda de Jesus, o quadro numérico de seitas tem aumentado(Mateus 24:3-5,11,24-25), levando os cristãos a se mobilizarem e se prepararem para defenderem a fé cristã(Judas 3).Afinal, quem não possui algum familiar ou amigo que está preso a alguma seita herética? Muitas seitas confundem algumas pessoas por possuírem aparência de piedade, vocabulário cristão e até mesmo defenderem uma ou outra doutrina bíblica (II Timóteo 3:5; Mateus 7:15). Podemos dizer em poucas palavras que o que faz alguma organização religiosa incluir-se no "rol das seitas heréticas" é o fato de distorcerem ou negarem doutrinas essenciais da Bíblia. Doutrinas como:
· A suficiência das Escrituras como única autoridade,
· a Deidade absoluta de Cristo,
. a Igreja como um organismo vivo e espiritual constituída por todos os que crêem em Jesus, recebendo-O como único e suficiente Salvador,
· a ressurreição corpórea, e,
· a salvação pela graça somente por meio da fé em Jesus.

A BÍBLIA E AS SEITAS
A seita é um grupo que pode ou não incluir a Bíblia como fonte de autoridade. Se incluir a Bíblia, torce as verdadeiras doutrinas bíblicas, de tal maneira que desfigura o evangelho de salvação. Se não usar a Bíblia, é uma religião não-cristã e não participa no benefício de revelação divina.As religiões não-cristãs reivindicam terem recebido revelação especial superior, como por exemplo o Islamismo e o Hinduísmo. Em se tratando de grupos sectários que admitem a Bíblia, acreditam serem os únicos a possuírem iluminação para entende-la, mas acabam interpretando-na em desarmonia com a compreensão bíblica ortodoxa, algumas proíbem o estudo da Bíblia ou admitem a Bíblia na teoria enquanto na prática dão maior valor as revelações ou palavras de seus líderes, como por exemplo a Congregação Cristã no Brasil, a Igreja Sinos de Belém, e a Igreja Apostólica(Santa Vó Rosa). Alguns grupos de seitas igualam ou acrescentam à Bíblia, isto é o caso do Mormonismo que tem o "Livro de Mórmon", "Doutrina e Convênios", e "A Pérola de Grande Valor"; a Ciência Cristã acrescentou "Ciência e Saúde como Chave das Escrituras", já as Testemunhas de Jeová mudaram o texto da Bíblia para ajusta-lo as suas doutrinas.


A SALVAÇÃO E AS SEITAS
Todas elas acrescentam algo a obra de salvação realizada definitivamente por Cristo na cruz. Seitas somam os próprios esforços, obediência ao batismo e todo tipo de obras de retidão juntamente com a obra de Cristo, para alcançarem a salvação. Grande parte delas chegam a afirmar que o sacrifício de Jesus é suficiente, mas nossos trabalhos devem ser unidos e somados com o Seu para provar que nós fomos realmente salvos ou merecemos a salvação. No entanto tal sutiliza não leva em conta que a salvação é alcançada do começo ao fim pela fé(Romanos 1:17), não pagamos por ela nem a vista e muito menos à prestações! Elas dizem uma coisa mas acreditam em outra. Não é incomum encontrar artigos ou declarações doutrinarias em que afirmam crer que a salvação se dá pela fé, no entanto na prática não é realmente isso. Eles acreditam que têm que provar que são merecedores, e que têm que tentar o melhor para alcançar o favor de Deus, provando a Ele que são sinceros, trabalharam duro, e são então merecedores de estar com Ele. Em outras palavras, dão o melhor de si, e Deus leva isso em conta para salvá-los. Isto está absolutamente errado. A Bíblia não diz que nós "somos salvos pela graça através de obras", mas "somos salvos pela graça mediante a fé, não pelas obras para que ninguém se glorie"(Efésios 2:8-9; Tito 3:5). Nenhuma obra tem mérito diante de Deus para nos salvar, "concluímos, pois, que o homem é justificado pela fé, sem as obras da lei (Rom. 3:28)" Porque se há qualquer coisa que possamos fazer para merecer o perdão de nossos pecados, então Jesus morreu em vão,é necessário saber que o "homem não é justificado pelas obras da lei ,mas pela fé em Jesus Cristo, temos também crido em Jesus Cristo, para sermos justificados pela fé em Cristo e não pelas obras que são da lei, porquanto pelas obras da lei nenhuma carne será justificada,..., não aniquilo a graça de Deus; porque, se a justiça provém da lei, segue-se que Cristo morreu debalde." ( Gálatas 2:16, 21). Adeptos de seitas citarão freqüentemente Tiago 2:26 onde diz que "fé sem obras é morta" em uma tentativa para demonstrar que obras são necessárias para a salvação. Enquanto é verdade que fé sem obras é morta, não são as obras que nos salvam. Não podemos contradizer a Bíblia, e ela não se contradiz. Tiago está dizendo que se você tiver verdadeira fé, resultará em verdadeiras obras. Em outras palavras, você faz boas obras porque é salvo, não para ser salvo.Tiago escreve para aqueles que já são salvos, enquanto que Paulo em Romanos faz uma exposição da mensagem do evangelho, e em Gálatas combate os falsos ensinos daqueles que querem justificar-se pela fé em conjunto com obras(Tiago 2:14; Romanos 1:15-17; Gálatas 1:6-9). Tiago não está dizendo que nossas obras são o que nos salva, ou que elas, em combinação com o obra completa Cristo nos salva. Ele dá ênfase a justificação e demonstração da salvação diante dos homens(Tiago 2:14-18).Diante de Deus a justiça se alcança unicamente pela fé em Jesus, enquanto que diante dos homens essa justiça é revelada nas obras.Afinal de contas como os homens podem ver a fé? Pela fé recebemos a salvação, o Espírito Santo vem habitar dentro de nós, e o resultado espontâneo são as obras operadas por Ele através de nós. Do começo ao fim nos gloriamos Nele(I Coríntios 1:30-31)!O Senhor é quem nos salva e nos mantém salvos, e não as obras, o que destoar dessa verdade é de origem maligna.


JESUS E AS SEITAS
No Mormonismo Jesus é o irmão do diabo,gerado das relações sexuais de Maria com um Deus que veio de outro planeta. De acordo com as Testemunhas de Jeová ele é o arcanjo Miguel que se tornou um homem. Já a Legião da Boa Vontade ensina que Jesus além de não ser Deus, também não possuía um corpo físico, mas apenas um corpo fluídico. Mas qual é a verdade? O único verdadeiro Jesus é o da Bíblia, a Ele podemos orar (I Coríntios1:1-2 com Salmo 116:1; Atos 7:55-60); adorar (Mateus 2:2, 11, 14:33, João 9:35-38, Hebreus 1:6), e chamá-lo de Deus (João 20:28; Colossenses 2:9) porque Ele é verdadeiro Deus e se encarnou tornando-se um verdadeiro homem(Romanos 9:5 João 1:1,14). Jesus e o Pai são um (João 10:30). Um de seus objetivos de vir a Terra foi revelar o Pai (João 1:18) de forma que você tem de crer no Jesus verdadeiro, que é o Caminho, a Verdade e a Vida (João 14:6). "Porque, se alguém for pregar-vos outro Jesus que nós não temos pregado,..., com razão o sofrereis." (I Coríntios 11:4)


A IGREJA E AS SEITAS
Cristo fundou a Sua Igreja sobre a Rocha que é Ele mesmo (Mateus 16:18), essa é constituída por todos aqueles que crêem em Jesus durante todos os séculos. O Senhor garantiu que o inferno não ia prevalecer contra a Igreja, então ela nunca deixou de existir. As seitas não pensam dessa forma, a grande maioria delas acreditam serem a restauração do cristianismo que fora extinto depois do ano 100 d.C., esse é o caso por exemplo da Igreja de Cristo Internacional e do Mormonismo. Outras acreditam terem sido as únicas fundadas por Cristo, como por exemplo o Catolicismo Romano e a Igreja de Deus do Sétimo Dia, ainda que seu corpo doutrinário seja essencialmente antibíblico. As seitas são exclusivistas, e sentem aversão pelos evangélicos, apregoam que a salvação só é possível para aquele que faz parte de sua grei, ainda que na teoria digam que "Jesus é o Salvador", isso na prática equivale a afirmar que "Jesus é o Salvador somente daquele que faz parte da seita". O espírito sectário, soberbo e contrário das seitas destoa da comunhão do Espírito Santo que deve existir entre todos os filhos de Deus espalhados pelo mundo todo, e que fazem parte do corpo de Cristo (I João 1:7; Salmo 133:1).


TESTEMUNHANDO ÀS SEITAS
Diante do quadro de proliferação das seitas, devemos assumir a postura cristã de alcança-las pelo testemunho do evangelho. Se nós quisermos testemunhar bem a um adepto de seita, precisamos entender as doutrinas deles,assim como as doutrinas bíblicas. Seria uma boa idéia estudar e até mesmo memorizar doutrinas bíblicas,tais como:a Bíblia, Deus, Criação, o Homem, Jesus, o Espírito Santo, Salvação,etc. O estudo deverá tornar-lhe apto a responder as distorções feitas pelas seitas nessas áreas. Um cristão deveria saber bem a doutrina bíblica, o bastante para poder não só reconhecer o que é verdade, mas também o que é falso em um sistema religioso (1 Pedro 3:15; 2 Tim. 2:15).Jesus nos advertiu que no últimos dias falso cristos e falsos profetas surgiriam e enganariam muitos (Mateus 24:24). Deus sabia que haveria uma elevação do espírito de Anticristo (1 João 4:1-3) nos últimos dias. Sua manifestação está aqui nas formas de Mormonismo, Testemunhas de Jeová, Igreja de Cristo Internacional, Congregação Cristã no Brasil, Hare Krishna, Catolicismo Romano e Carismático, Igreja de Deus do Sétimo Dia, Santo Daime, Islamismo, Espiritismo, Legião da Boa Vontade,entre outros.
"Acautelai-vos, que ninguém vos engane," Mateus 24:4

 

x fechar